cirurgia bariátrica

Por que acontece a queda de cabelo após a cirurgia bariátrica?

A cirurgia bariátrica é um dos procedimentos mais eficazes para o tratamento da obesidade mórbida. Porém, sua realização pode trazer algumas consequências desconfortáveis, principalmente para quem deixa de seguir as orientações do pós-operatório.

Você sabia que a queda de cabelo é um efeito colateral comum desta cirurgia? Quer saber mais sobre o assunto? Neste post, você encontrará todas as informações que precisa. Então, continue a leitura.

O que causa a queda de cabelo após a cirurgia bariátrica?

A queda de cabelo em consequência da cirurgia bariátrica é multifatorial, ou seja, pode ocorrer em função de diferentes situações, tais como, problemas endocrinológicos, infecções, uso de medicamentos, traumas ou distúrbios nutricionais.

Ainda, a realização de um procedimento cirúrgico faz com que o organismo entenda que há a necessidade de economizar energia. O objetivo é criar uma reserva emergencial para a manutenção das funções vitais.

Com isso, os folículos capilares recebem um sinal para interromper a produção de fios de cabelo. Após a cirurgia, esse folículos são orientados a iniciar o processo de troca de cabelo, causando o efeito chamado de eflúvio telógeno agudo.

Assim, o indivíduo passa a lidar com uma queda diária aproximada de 300 fios. Contudo, esse efeito colateral não é exclusivo da cirurgia bariátrica. A mesma situação ocorre no pós-parto, após pneumonias ou em pessoas com alto nível de estresse.

Geralmente, o eflúvio telógeno começa cerca de três meses depois do procedimento. Ademais, além do estresse cirúrgico, existem outras condições que podem desencadear essa queda abrupta de cabelo.

Dieta restritiva

Uma das etapas mais importantes do pós-operatório de gastroplastia é a restrição alimentar. Na maioria dos casos, o paciente precisa permanecer 30 dias sem a ingestão de alimentos sólidos. Assim, em consequência dessa baixa ingestão calórica, o corpo aciona o mesmo mecanismo de emergência, ocasionando a troca de fios.

Emagrecimento

A perda de peso intensa e abrupta é uma consequência natural da cirurgia bariátrica. Porém, a velocidade com que ocorre leva o organismo a desencadear o processo de eflúvio telógeno. Esse acionamento tende a permanecer enquanto o paciente continuar emagrecendo.

Deficiência nutricional

Uma das causas mais comuns da queda de cabelo após cirurgia bariátrica. Independente da técnica utilizada, esse procedimento promove grandes modificações no organismo, afetando, inclusive, a capacidade de absorção de nutrientes.

Por isso, o paciente precisa realizar acompanhamento médico e suplementar alguns nutrientes. A perda de fios está diretamente ligada à insuficiência de zinco, proteína, biotina, cobre e ferro. Da mesma forma, podem ocorrer outras alterações dermatológicas.

Como prevenir a queda de cabelo?

O eflúvio telógeno é um mecanismo natural do organismo, sendo impossível preveni-lo. Entretanto, existem algumas práticas que diminuem a intensidade ou impedem que esse efeito colateral ocorra.  São elas:

  • manter uma alimentação saudável e equilibrada, priorizando as proteínas, frutas, vegetais, grãos e oleaginosas;
  • fazer o acompanhamento nutricional;
  • seguir todas as orientações médicas para o pós-operatório, principalmente aquelas relacionadas à alimentação e a suplementação;
  • uso de tônicos capilares, caso prescritos pelo dermatologista.

Enfim, essas são apenas algumas ações que contribuem para a prevenção do problema. Os efeitos colaterais da cirurgia bariátrica não são sentidos de igual modo e nem ocorrem em todas as pessoas.

Assim, se é candidato ao procedimento, converse com o médico responsável sobre o tema e siga as recomendações dele. Por fim, mesmo que a queda de cabelo ocorra, é comum que, com o passar do tempo, a situação se normalize.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião geral no Rio de Janeiro!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp